3 Plantas medicinais para crianças

 

As plantas medicinais ao fornecerem uma forma de atuação eficaz e gentil tornam-se muito úteis para os corpos sensíveis das nossas crianças.

 

Quando seguimos as regras do bom senso, as plantas medicinais não prejudicam a saúde dos mais pequenos, antes pelo contrário, atuam em harmonia para devolver ao corpo o equilíbrio de homeostasia para o qual ele está desenhado.

Assim, para incómodos da vida diária, as plantas medicinais funcionam na perfeição ajudando a resolver desconfortos que vão desde uma simples dor de cabeça até à prevenção de infeções virais.

 

A utilização das plantas medicinais não se deve sobrepor às ferramentas da medicina convencional. O que é que eu quero dizer com isto?

Quero dizer que há um lugar e um momento para ambas, ou seja, nenhuma substituiu a outra, elas complementam-se consoante a situação.

De qualquer forma, permite-me chamar-te a atenção para as questões de interação entre medicamentos. Por isso, sempre que utilizares a fitoterapia em simultâneo com os medicamentos sintéticos, certifica-te que o profissional de saúde que acompanha o teu filho esteja familiarizado com as interações que podem advir do uso de ambas as terapias.

 

Em que situações se utilizam as plantas medicinais?

As plantas podem ser usadas em situações simples, como cólicas, erupções cutâneas e dentição, bem como em algumas doenças comuns que das crianças, como dor de garganta, constipações, gripes, dor de estômago, obstipação, entre outras.

Quando a fitoterapia não apresenta os resultados previstos, deves considerar outros tratamentos, tal como os tratamentos convencionais, como tal, certifica-te que estabeleces um bom relacionamento com um pediatra que tenha uma visão mais abrangente da saúde para que possam trabalhar em sintonia na manutenção e resolução dos problemas de saúde que o seu filho possa apresentar.

Como disse anteriormente, a utilização de plantas medicinais trás muitas vantagens para as crianças, por isso, aqui apresento-te três plantas eficazes e seguras para usares com o teu filho.

 

1# Cidreira (Melissa officinalis)

Esta planta é um clássico infantil. A cidreira é uma planta carminativa, anti-inflamatória e anti-viral. Atua no sistema nervoso central, pelo que é considerada uma planta nervina, ajudando a aliviar a ansiedade, o nervosismo e as insónias.

Utiliza-se no combate a infeções virais, feridas e constipações.

A infusão e tintura de cidreira é a que mais usamos aqui por casa para aliviar os desconfortos associados à febre sem causa aparente.

Segurança: segura. (verifica sempre com o profissional de saúde que vos acompanha)

 

2# Calêndula (Calendula officinalis)

Para as feridas, eczemas e contusões, a Calêndula é a eleita.

Esta planta promove a cicatrização das feridas, através da formação de tecido de granulação formado pela proliferação de células endoteliais vasculares e fibroblastos (a “pré-pele” de uma ferida que se encontra a cicatrizar).

A calêndula apresenta igualmente propriedades anti-inflamatórias, anti-bacterianas e anti-fúngicas, o que faz da pomada de calêndula ideal para erupções de fraldas, arranhões e queimaduras.

A Calêndula também é um “linfício” o que significa que auxilia na drenagem dos linfonodos inchados/inflamados.

Segurança: topicamente é segura para arranhões, cortes pequenos e queimaduras com a pele intacta. Internamente o seu uso deve ser orientado por um profissional habilitado. (verifica sempre com o profissional de saúde que vos acompanha)

 

#3 Sabugueiro (Sambucus nigra)

O Sabugueiro é provavelmente a planta mais deliciosa que temos à nossa disposição para dar às crianças.

Com ela elaboramos um delicioso xarope com propriedades anti-virais e como é um alimento, ainda oferece aos nossos pequenos uma vasta gama de nutrientes.

Segurança: muito seguro. A baga é considerada segura durante a gravidez e a lactação, mas pode causar dores de barriga se tomada com muita frequência. (verifica sempre com o profissional de saúde que vos acompanha)

 

Deixa um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Subscribe!

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.