importância da ovulação no ciclo menstrual

A importância da ovulação no ciclo menstrual

A ovulação é um evento mensal que ocorre no ciclo menstrual da mulher e que é muitas vezes desvalorizado até chegar à altura da mulher desejar engravidar.

Mas, começando pelo início e de forma muito simples. A ovulação ocorre quando o óvulo é libertado pelo ovário, percorrendo as trompas até chegar ao útero para ser fecundado ou eliminado.

Então, à medida que a ovulação se aproxima, nós começamos a produzir mais estrogénio para que o revestimento uterino fique mais espesso, preparando-o para uma futura fecundação.

Este processo é importante porque além do estrogénio ser importante para o ciclo menstrual, também promove a saúde cognitiva, cardiovascular, aumento da massa muscular e melhora a sensibilidade à insulina.

Logo após a ovulação, uma outra hormona – a progesterona – torna-se a hormona dominante, mas esta hormona apenas é produzida se ocorrer a ovulação, ou seja, se tomas um contraceptivo hormonal não ovulas, logo não produzes progesterona.

E porque é que esta informação é importante? é importante porque as hormonas, e neste caso em particular, a progesterona, tem um papel na nossa saúde que vai muito além da gravidez.

A progesterona, age como um agente ansiolítico no nosso corpo, além disso, cada dose mensal de progesterona promove a saúde da tiróide, dos ossos e do tecido mamário; reduz a inflamação e ajuda a manter o nosso sistema imunitário saudável.

Como não há duas sem três, adivinha o que mais a progesterona pode fazer por ti?! Alivia a dor menstrual.

Mulheres com um equilíbrio entre o estrogénio e a progesterona não têm dores menstruais, que aproveito para dizer que NÃO, não é normal sentir dor menstrual, embora seja bastante comum.

A ovulação é mais do que um meio para alcançar um fim.

Como podes ver, a ovulação é um indicador de saúde feminina porque as hormonas envolvidas no ciclo menstrual e na ovulação são hormonas responsáveis por muitas outras funções vitais importantes para a mulher.

Assim, podemos dizer que um ciclo menstrual saudável é um ciclo ovulatório no qual a ovulação é o evento principal.

Um ciclo sem progesterona é um ciclo anovulatório

Quando não ovulamos, não passamos pela fase lútea e como tal não produzimos progesterona, logo, um ciclo anovulatório não é um ciclo menstrual porque não há fase lútea.

Em vez disso, há apenas uma longa fase folicular na qual o estradiol é produzido.

ciclo anovulatório

É aqui que se salienta a importância da ovulação no ciclo menstrual, isto porque quando não há produção de progesterona, podem surgir vários sintomas que alteram o bem-estar da mulher e incluem celulite, miomas mamários ou ovarianos, veias varicosas, aumento de peso nas ancas, confusão mental, menstruação dolorosa, retenção de líquidos, distúrbios de sono, ansiedade e alterações de humor.

Como vês, a ovulação tem um impacto na vida da mulher que vai muito além da capacidade de engravidar.

Agora, é normal termos, ocasionalmente, um ciclo anovulatório, até porque o nosso ciclo menstrual é afectado por vários factores, incluindo o stress.

No entanto, se for uma situação recorrente, é necessário aprofundares a causa dos ciclos anovulatórios uma vez que podem estar associados a questões como:

  • Síndrome dos ovários policísticos
  • Níveis elevados de prolactina
  • Amenorreia hipotalâmica
  • Alimentação deficitária
  • Recuperação do corpo após deixares o contraceptivo hormonal
  • Perimenopausa

Sinais de um possível ciclo anovulatório

  • Um ciclo inferior a 21 dias ou superior a 45 dias. Um ciclo menstrual saudável varia de 21 a 35 dias (45 dias se for adolescente).
  • Um sangramento que dura mais de sete dias. Um período saudável dura de dois a sete dias e não se perde mais de 80 mL de fluido menstrual na totalidade dos dias do período. Se sangrares por mais de sete dias, provavelmente é um ciclo anovulatório.
  • Um ciclo sem aumento de temperatura e, portanto, sem fase lútea. Se monitorares a temperatura basal, ela deve subir meio grau após a ovulação. Se não houver um aumento de temperatura, então não ovulaste.

Nota: A importância da ovulação no ciclo menstrual – Uma forma de confirmares a ocorrência da ovulação e a produção de progesterona é através de um exame de sangue, feito durante a fase lútea.

Fonte:

Ramos, Sergio et, al. “Sistema Genital. In: Estrutura e funções do corpo humano”. 2002. 1ª Edição. Editora Manole.

Subscrever
Notificar de
guest

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
  • Sobre

    Sou a Vera, naturopata especializada na saúde da mulher e da criança e autora do livro Nascer e Crescer Vegetariano.

    Segue no Facebook
    Categorias
    Livros e Materiais
    Cursos e Masterclasses Online

    Todas as informações fornecidas por este website destinam-se única e exclusivamente para finalidades informativas ou educacionais, não tendo a intenção de substituir as orientações fornecidas pelo profissional de saúde ou médico, nem para serem utilizadas para diagnóstico ou tratamento clinico.

    Tens a minha autorização para utilizar os conteúdos da página da forma que quiseres.

    Conhecimento e sabedoria são recursos inesgotáveis que crescem ao serem partilhados. Todos beneficiamos com isso! No entanto, não nos responsabilizamos por nenhuma consequência direta ou indiretamente tomada com base nas informações desde website.

    Se quiseres explorar mais conhecimentos e informações em fontes credíveis e reconhecidas, clica aqui para ver a lista de recursos que recomendo.